Coluna de quinta (11/11)

Metrô segue na ordem do dia

Os leitores estão lembrados do “metrô de superfície”, tema que teve o sabor de factóide político-eleitoral? A questão não foi esquecida, pelo menos para a SC Parcerias, que pretende retomar os estudos em 2011. O presidente da empresa, Gerson Berti, diz que a ideia de ligar Barreiros à UFSC, passando por pontos históricos da Capital, como a Ponte Hercílio Luz e o mercado, continua de pé. Se comparado com um ônibus, qualquer um dos modelos consegue transportar o triplo de capacidade por hora, além de não poluir o meio ambiente, por usar energia elétrica.

O uso de monotrilhos, interligando comunidades carentes, foi anunciado ontem pelo governo do Rio de Janeiro. Implantação, que custará R$ 5,2 bi, está no Programa de Aceleração do Crescimento-2 (PAC-2).

Sugestão

Fernando Silva, que não é engenheiro, mas tem bom senso, entende que Florianópolis poderia implantar pelo menos três linhas de transporte marítimo, com atracadouros no Jardim Atlântico, Santo Antônio e Tapera. Com barcas semelhantes à Rio-Niterói, poderiam desembarcar ao lado do Centrosul ou na Beira-mar, ligando esses bairros ao Centro em cerca de 20 minutos ou menos.

Longe do mar

Palhoça deu o primeiro passo. Agora, Biguaçu dá o seu, rumo à implantação do transporte marítimo. E a capital catarinense continua inexplicavelmente distante do mar. Não é o cúmulo do paradoxo?

Tudo normal

Na segunda-feira publicamos nota sobre o sufoco pelo qual passaram moradores de Barreiros no final da semana, em vista da falta de energia elétrica por mais de 13 horas. A Celesc esclarece: o caso aconteceu por causa do temporal de sexta-feira. Alimentadores atingidos foram reparados, mas o problema voltou a se repetir no sábado. Desde aquele dia, está tudo normal no bairro.

Realidade

É triste, mas temos que encarar a realidade de frente: 21 de novembro é o Dia Mundial em Memória das Vítimas de Trânsito. Florianópolis, a capital com o segundo maior índice de mortalidade no trânsito brasileiro, vai promover uma programação especial, no Koxixo’s (Beira-mar), para alertar os motoristas sobre essa dura verdade.

Tem mais

Empreendimentos localizados numa das ruas mais antigas de Florianópolis, a Menino Deus, têm complicado a vida dos motoristas que trafegam pela Avenida Mauro Ramos e região. Falta agilidade e planejamento para evitar congestionamentos. Tanto o Hospital de Caridade quanto o Baía Sul já solicitaram a presença da engenharia de trânsito do município. Se houvesse engenharia de trânsito…

Operação Verão

A Secretaria de Turismo de Florianópolis define hoje, em reunião no gabinete do prefeito Dário Berger, as ações da Operação Verão 2011, que envolverá segurança pública, planejamento urbano, transportes e mobilidade e serviços públicos. Representantes de entidades empresariais, como a Acif (Associação Comercial e Industrial de Florianópolis) e Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) participarão do encontro. O objetivo principal da Operação Verão é organizar a temporada de modo geral.

Segurança privada

Será fundada amanhã, às 9h, no Il Campanário (Jurerê Internacional) a Associação Brasileira dos Sindicatos das Empresas de Segurança Privada. Serão representados todos os segmentos da atividade – vigilância, segurança pessoal, escolta armada, transporte de valores, monitoramento eletrônico – em todo o território nacional.

Choque de ordem

Além dos ambulantes, que estão sendo retirados das ruas pela Guarda Municipal, a Polícia Militar começou ontem uma operação de identificação dos moradores de rua que invadiram diversos espaços públicos da Capital, entre os quais o Terminal Rodoviário Rita Maria.

Negócio lucrativo

Uma das questões que ainda preocupam as autoridades de Florianópolis é a expressiva presença de vendedores de passes de ônibus intermunicipais em diversos pontos do Centro. Mesmo pressionados pela fiscalização, eles sempre voltam.

Cara ou coroa

Acredite. Ontem um policial militar montou guarda em frente ao posto de combustíveis da Avenida Mauro Ramos que provoca congestionamentos imensos por conta dos preços mais baixos que oferece. Claro que nenhum motorista ousou desafiar o Código de Trânsito Brasileiro enquanto o PM esteve ali. Mas foi o homem da lei virar as costas e a bandalheira recomeçou.

Diagnóstico

A falência da segurança pública é reconhecida pelos próprios agentes do setor. “S.O.S. Segurança Pública: Soluções Práticas para Questões Emergentes” é o título do livro que os sargentos Alaor Antônio Bittencourt e Jadir Vieira lançam amanhã, às 19h, na Livraria Catarinense do Beiramar Shopping. O título da obra diz tudo, pois, pois.

Prevenção

Um requerimento encaminhado pelo vereador Aurélio Valente (PP), à prefeitura municipal, solicita informações sobre a programação das festas de fim de ano em Florianópolis, inclusive com previsão de gastos e as devidas licitações. Objetivo do vereador é garantir a transparência do processo e evitar episódios como os da árvore de Natal e do não-show de Andrea Bocelli (2009).

Consciência

A coluna se enganou quando apontou o dia 15 como último feriado do mês. O sábado seguinte (20) também será feriado, mas municipal (Florianópolis), por conta do Dia da Consciência Negra, em homenagem a Zumbi dos Palmares. A lei 8.046, sancionada no ano passado, resultou de projeto apresentado pelo vereador Márcio de Souza (PT).

Guerreiro

O premiado escritor Oldemar Olsen Jr. estreia como cronista do Notícias do Dia na edição da próxima segunda-feira, brindando os leitores do jornal com seus textos irreverentes, cáusticos e invariavelmente divertidos. Bem-vindo, velho guerreiro!

De ombros

Bernardo Torres aproveita a deixa da inauguração do Hospital Baía Sul para, a exemplo de outros cidadãos florianopolitanos, manifestar sua indignação com a incompetência administrativa do estacionamento local. No caso dele, deixou o automóvel sob a guarda dos responsáveis e, quando voltou, encontrou o veículo danificado. Reclamou, mas não adiantou: gerência deu de ombros.

Insegurança

Na onda geral de críticas e cobranças relacionadas à segurança pública, o vereador Dalmo Menezes (PP), da Capital, protolocou requerimentos solicitando uma base policial no bairro da Costeira, câmeras de monitoramento nas regiões das agências bancárias e a proibição do uso de celular nos bancos.

Pesca

Representantes de 11 países devem participar da Aquapescabrasil, maior feira do setor de pesca e aquicultura do Brasil, que será realizada entre os dias 18 e 20 deste mês, em Itajaí. A expectativa de público, segundo os organizadores, é de 10 mil pessoas.

Sonzeira

Projeto de lei que regulamenta horário de funcionamento de bares, casas noturnas e similares em São José foi entregue ontem à noite à Câmara Municipal pelo presidente Amauri Valdemar da Silva (PTB). Segundo Amauri, o projeto está adequado à legislação vigente. Horário de bares será das 7 às 22h. Para estender até a 1h da manhã os estabelecimentos terão que observar normas de isolamento acústico e segurança. Tudo será discutido em audiência pública.

Anúncios

4 responses to this post.

  1. […] This post was mentioned on Twitter by Carlos Damiao and Carlos Damiao, Carlos Damiao. Carlos Damiao said: Minha coluna aumentou, gentileza da editora-chefe do jornal, m/querida Adriana Ferronato. 19 notas! http://bit.ly/9ntYwg #Fôlego […]

    Responder

  2. Posted by Osvaldo Peixoto on 11/11/2010 at 7:33

    Damião,

    Justiça seja feita. Lá em 2001 quando Paulo Vidal era prefeito de Palhoça e Dário Berger comandava São José, a então prefeita de Fpolis, Angela Amin colocou na pauta o transporte maritimo da GranFpolis. Não deu em nada. Dário Berger ainda foi contrário a instalação do Terminal Urbano do Jardim Atlantico e de Capoeiras. Interesses pessoais, dizem os entendidos. Já que o assunto voltou então vai uma dica. Não esquecer que, implantado o transporte marítimo todo o sistema rodoviário deverá ser revisto. OK ?

    Responder

  3. […] dia 11/11/10 » Compartilhe este link no Twitter Da coluna Ponto Final, por Carlos Damião (ND, […]

    Responder

  4. Posted by Tadeu on 11/11/2010 at 18:39

    Parabens à prefeitura de Florianopolis pela açao de retirada de ambulantes do centro da capital; se nao fizerem isso agora, mais tarde essa historia tera um desfecho que todos ja conhecemos de outras cidades que foram permitindo e quando foram retirar …..!!
    um abraço.

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: