Coluna do fim de semana

Mobilidade empacada

A Frente Parlamentar de Mobilidade Urbana da Câmara Municipal de Florianópolis realizou reunião na quinta-feira (14) para iniciar a discussão para criação do Conselho Municipal por Mobilidade Urbana de Florianópolis, como sugerido em audiência pública na Câmara de Vereadores, no dia 22 de setembro.

Presidida pelo vereador Ricardo Vieira (PCdoB), a Frente Parlamentar de Mobilidade Urbana detectou a falta de vontade política para o encaminhamento de soluções, enquanto a população passa horas e horas por dia nos engarrafamentos que acontecem na cidade. Novo encontro foi marcado para o dia 28 deste mês.

Algumas alternativas sugeridas: transporte coletivo urbano – mais agilidade, conforto e acessibilidade financeira, políticas para redução do número de veículos e o estímulo do uso de transporte alternativo, como bicicletas, melhorias no sistema viário, criação de bolsões de estacionamento próximos aos terminais, integração de modais, corredor exclusivo de ônibus em alguns locais.

Pedágio

A propósito do comprovante de pedágio que publicamos na sexta-feira, a escritora Maura Soares observa: “Meu pai João Auta Soares trabalhou no pedágio da Ponte Hercílio Luz. Ele sempre nos contava e dizia que cada tipo de veículo tinha uma tarifa. Pedágio não é novidade na nossa Santa e Bela Catarina (e desordenada capital, que está no clube dos sem: sem governo, sem polícia, sem calçadas decentes, sem parques, sem jardins, sem respeito, sem vergonha)”.

Pobres pedestres

Leitor Fernando Amorim da Silva chama atenção para mais uma situação em que o pedestre é penalizado, na calçada da antiga FAC (Federação Atlética Catarinense), hoje Complexo Esportivo Rozendo Lima, Avenida Hercílio Luz. Se fosse uma obra particular, como observa Fernando, o proprietário seria multado. Como é obra pública, ninguém dá a mínima para os pedestres.

Saturados

A que ponto chegamos: na ausência do Estado, responsável pela segurança pública, a comunidade de Ingleses, através do Conselho Comunitário de Segurança, está aceitando doações de pessoas físicas e jurídicas para a compra de câmeras de monitoramento eletrônico. Aliás, as já existentes – quatro – foram compradas com recursos de doações. Trata-se de uma iniciativa cidadã, que prova o quanto o povo está saturado dos governos.

Carnaval

Não há nada de errado com o evento sobre carnaval que será realizado durante a 1ª Semana Integrada do Ceart (Centro de Artes) da Udesc (Universidade do Estado de Santa Catarina), de terça a sábado. Fátima Costa de Lima, do Departamento de Artes Cênicas, que foi a autora da iniciativa, espera que “este seja o primeiro de muitos encontros entre a universidade e o carnaval, dois mundos que precisam se encontrar: esta é uma parceria que, creio, renderia ótimos frutos”.

Golpe na praça

O Notícias do Dia já publicou matéria sobre o caso. Mas não custa alertar os leitores mais uma vez: picaretas se passando por representantes do SPC (Serviço de Proteção ao Crédito), fazem contato com consumidores com a falsa promessa de “limpar” o nome mediante o pagamento de uma quantia em dinheiro. A CDL de Florianópolis alerta que nenhuma empresa ou pessoa está credenciada para fazer este serviço e orienta o consumidor a procurar a loja credora para solucionar a sua dívida.

Arte solidária

A pré-estreia de A Noite é uma Criança – 9ª Mostra de Dança Infantil –, no Hospital Infantil Joana de Gusmão, na Capital, também contou com a participação do mágico Sandro Spigolon, que proporcionou momentos de diversão e ternura, como este em que a garotinha se surpreende e sorri com o truque das cartas de baralho. Fotos de Murilo Vessling.

Árvore

A prefeitura de Florianópolis não poderá fazer qualquer pagamento à empresa PalcoSul Eventos, responsável pela montagem da polêmica árvore do Natal 2009 na Avenida Beira-mar Norte. Essa é a determinação do Tribunal de Contas do Estado, publicada na sexta-feira. O TCE identificou inúmeras ilegalidades, entre as quais indícios de superfaturamento, execução do objeto em desacordo com as especificações e prazos fixados no contrato.

Filme – Boa dica de cinema para este sábado, 19h30 e 21h, no Paradigma Cine Arte: “Quando me apaixono”, com Helen Hunt, Colin Firth, Bette Midler e Mathew Broderick.

Natal – Comércio intensifica preparativos para compras natalinas, de olho na primeira entrada de 13º salário, que acontece em novembro. Expectativa de um grande Natal, o melhor em uma década.

Letra morta – Leitor Osvaldo Peixoto assinala que a lei exigindo contratação de vigilantes nas lotéricas “nasceu morta”. Ele observa que são raras as lotéricas que têm mais de quatro terminais.

Média – A propósito do mesmo tema, Bernardo Torres, acha que objetivo da lei foi fazer média com a população, já que os constantes assaltos a lotéricas assustavam os clientes dessas casas comerciais.

Marítimo – Sobre o transporte marítimo, Fernando Silva admite que “nem todas as linhas serão viáveis, mas será que com 300 mil pessoas de um lado (na Ilha) e 500 mil de outro (no Continente) não existe uma linhazinha só que seja viável economicamente?”.

Prevenção – A Associação Brasileira de Portadores de Câncer promove, neste sábado, a partir das 9h, uma caminhada pela região central de Florianópolis, em apoio à luta contra o câncer.

Abuso – Moradores de Florianópolis não podem mais aceitar que aquele posto de combustíveis da Avenida Mauro Ramos continue interrompendo o trânsito para vender seus produtos. Falta alguém com coragem e autoridade para acabar com aquela bagunça.

Anúncios

4 responses to this post.

  1. Posted by Wolff Junior on 16/10/2010 at 11:48

    Grande Damião ! Parabéns pelo novo “visu” do Blog !
    Estava bom ! …continua ótimo !
    Continues assim sempre : imparcial e equilibrado em seus
    comentários ! Grato !

    Responder

  2. Uau, não esperava que a reunião da Frente Parlamentar fosse aparecer por aqui! (foi bem produtiva, mas com encaminhamentos ainda incipientes, e sem a presença de órgãos públicos importantes, como o IPUF, a Secretaria de Obras e a Secretaria de Transportes, Mobilidade e Terminais).
    Eu gostei, sobre o novo visual do blogue, da parte das postagens, com o fundo a lembrar um caderno, mas o topo, onde está o título do blogue e o “Florianópolis (SC) em foco” ficou destoando demais, sem ser chamativo, ‘sem sal’.

    Responder

  3. A população e os governantes da Capital estão demorando muito para discutir e resolver os problemas de mobilidade urbana na cidade e na Grande Fpolis. Já passou da hora, porém como diz o dito: Antes tarde do que nunca!

    Responder

  4. Posted by Carlos on 16/10/2010 at 20:39

    Sim, Cesar, para a PalcoSul não pode pagar, mas e como fica o “no-show” do Andrea Bocelli que foi pago ???
    Quem recebeu ?? para onde foi o nosso dinheiro ???

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: