Poema de Marcos Konder Reis

VAGABUNDAGEM

Anjo ou poeta?

Na treva, o meu cigarro é o farol do milagre.

 ______________

 Marcos Konder Reis nasceu em Itajaí, em 15 de dezembro de 1922. Morreu no Rio de Janeiro, onde passou a maior parte da vida, em 11 de setembro de 2001.

Foi, na conta deste blogueiro, um dos melhores poetas brasileiros de todos os tempos. Fez parte da injustiçada Geração de 45, um grupo de poetas que tentou resgatar o lirismo da poesia brasileira, na contracorrente do modernismo. Hoje a gente vê que a turma de 45 era tão ou mais modernista, porque buscou, sobretudo, a emoção e a qualidade literária do verso. Mais sobre ele aqui.

Anúncios

2 responses to this post.

  1. Posted by Olsen Jr. on 30/03/2010 at 15:11

    Damião, meu caro, salve!

    Boa a lembrança do poeta Marcos Konder Reis…

    De quando em vez é bom lembrar alguém, que mais não seja, como dizem os “manés”, só para “inticar”…

    Marcos Konder Reis viveu como poucos a condição se ser um escritor, mais, um poeta 24 horas por dia…

    Eu o conheci…

    Graças a tua lembrança, Damião, muitas outras foram evocadas…

    Bom repassar tudo isso… Depois te mando o texto…

    Um abração!

    Olsen Jr.

    Resposta

  2. Eu fui amigo do Marcos Konder Reis, e ele tinha um desenho meu que agora alguém acaba de publicar na minha página do facebook e me comoveu.. .

    Resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: