Excesso de mídia (e de mentiras) dá nisso

    Fenômenos midiáticos, que constróem suas carreiras políticas a partir da utilização milionária dos recursos de comunicação, correm muito mais riscos do que as lideranças autênticas, que crescem a partir do contato direto com o povo. O fenômeno midiático em geral faz o processo inverso — conquista popularidade através da TV e, depois, tenta parecer popular. Silvio Berlusconi, um desses modernos líderes midiáticos, foi violentamente agredido hoje por um homem de 42 anos. As primeiras informações divulgadas procuram demonstrar que o agressor sofre de distúrbios mentais. Até pode ser. Qualquer maluco, cansado de ver o primeiro-ministro (ou presidente, ministro, governador ou prefeito) mentindo repetidamente na TV, é capaz de ter um dia de fúria ao ver a autoridade em carne e osso.

Anúncios

2 responses to this post.

  1. Damião não fui eu tenho álibe – Mosquito

    Responder

  2. Posted by Aline on 14/12/2009 at 14:30

    Vendo aquele vídeo do Cavalazzi com o João Amin, tive muita vontade de avançar no secretário e arrancar-lhe alguns dentes. Mas eu estava em casa, devidamente aprisionada em minha camisa de força.

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: