Quem proclamará nossa República?

 

Enquanto o governador e o vice embarcam para excursões internacionais, os delegados de polícia do Estado realizam uma operação-padrão sem precedentes em Santa Catarina. Com grande estardalhaço, retiraram hoje das delegacias e centrais de polícia os presos que aguardavam vagas no sistema carcerário. Era uma situação absolutamente ilegal — porque delegado de polícia não é babá de presos — e a Justiça já havia determinado providências quanto ao caso.

Que momento vive o governo do Estado, hem? Que situação inglória para um governo que tem o costume de se comportar como uma monarquia. Vergonha das vergonhas! Presos enfiados em delegacias e centrais de polícia, como se registrava até a tarde de hoje, era apenas um entre tantos desvarios da administração pública, que se vangloria de feitos grandiosos, entre os quais um festival de mágica de gosto duvidoso, um mega concerto de Andrea Bocelli em dezembro, uma escola de administração pública (francesa) cuja base é o estímulo à burocracia…

E o povo, como nas boas monarquias do passado (pré-revolução Francesa) vive à míngua, lamentando e suportando o que vê. Com saúde precária, educação idem, saúde idem, segurança pública mais ainda. Delegados de polícia não recebem reposição salarial há 11 anos, Polícia Militar não aparece nas ruas – mas bate em jovens inocentes (e mesmo que não fossem inocentes, polícia não tem que bater em ninguém!) –, adolescentes são assaltados nas portas das escolas e em ruas centrais (Rua Bulcão Viana, atrás do fórum e do Ministério Público Federal, ontem)…

E o governador do Estado e o vice fazem de conta que nada está acontecendo: embarcam para excursões internacionais. Algo que, lamentavelmente, me faz voltar à História brasileira: o Baile da Ilha Fiscal, em 9 de novembro de 1889, última festa da monarquia, marcada pela extravagância e pelos excessos da Corte. Uma semana depois, Deodoro da Fonseca proclamava a República.

Quem proclamará a nossa República? O presidente da Assembléia Legislativa, Jorginho Mello, é que não. Sua Corte, registra a página da AL, estará concentrada amanhã em Herval d’Oeste, onde ele toma posse como governador interino.

Anúncios

3 responses to this post.

  1. Posted by Helio on 09/10/2009 at 8:03

    Você pediu, então vou chutar o balde.
    Ótima matéria em todos os aspectos, mas…, tem um porém: ô Damião, desde quando algum Delegado foi babá de preso? Quem rala com preso é a tiragem, o “resto”, que também não recebeu reposição salarial nenhuma. E, a respeito da reposição salarial desse “resto”, ninguém abre o bico.
    Abração.

    Responder

  2. Posted by naldina mendes carneiro on 09/10/2009 at 16:42

    Você está indignado com a atitude dos governantes da belíssima SC? Alguma vez agiram diferentemente ,preocupados com as reais necessidades do povo? Povo só tem utilidade,na opinião deles,no momento de gerar o voto, depois…quer que eu conclua!

    Responder

  3. Posted by Luiz Fernando on 09/10/2009 at 23:01

    Damião,

    Este Festival de Mágicas não seriam os brioches da Rainha Francesa?

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: