Filosofia pura

 

Do filósofo brasileiro Millôr Fernandes, na Veja de 20 de dezembro de 2006:

– Quando viu o réu, o juiz teve uma pena tão grande que assinou a absolvição com ela.

Anúncios

One response to this post.

  1. Posted by Luiz Fernando on 31/05/2009 at 11:32

    Damião,

    Perfeita para nossos tempos!
    A “pena” pode ser o “ouro” circulante!

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: